Pensar Galiza

20 Novembro 2018

«Quero unha Galiza descolonizada e soberana»

Que é para ti Galiza, hoxe? Para min, intimamente, é o que foi desde neno, o meu destino. Un destino asumido e que vai acompañado dun […]
20 Novembro 2018

«Galiza possui um forte sentimento nacional e uma baixa consciência de dito sentimento»

Que é para ti Galiza, hoje? Galiza, do meu ponto de vista, é uma nação periférica situada no interior do Estado espanhol, o qual —segundo tem […]
20 Novembro 2018

«Galiza xa vive unha distopía»

Que é para ti Galiza, hoxe? Eu, como ben sabe, hai case tres décadas que vivo fóra do país ao que regreso cada ano, as máis […]
20 Novembro 2018

«Decidirmos ser nós é o único xeito de garantir o noso benestar»

1) Que é para ti Galiza, hoxe? Galiza/Galicia é a miña patria e a miña referencia no mundo. Son persoa e son galego, son realidades inescindíbeis. […]
20 Novembro 2018

«É absolutamente imprescindible a loita contra a amnesia colectiva»

Que é para ti Galiza, hoxe? Case podería dicir, e dame vergoña dicilo, como Isaac Díaz Pardo, que é certamente unha nación, pero escarallada. Explico esta […]
20 Novembro 2018

“Soberania é utopia, mas é tamém condições mínimas para viver com dignidade”

Que é para ti Galiza, hoje? Mais do que pensar aquilo que a Galiza é, numa identidade sempre em mudança, penso muito mais em “como está” […]